O “trabalho” mais difícil e de maior responsabilidade é, sem dúvidas, o de ser mãe. Mulheres guerreiras, que criam seus filhos para si e para o mundo, deixando em cada, um somatório de amor, respeito, carinho, dedicação e, por que não, um pouco de si mesma!

Mães são seres divinos, iluminados com o que há de mais puro, que pensam não apenas por si, mas também por nós, os filhos. Cabeça erguida sempre, batalhando pelo que há de melhor, pelo que temos de direito.

Mas, ao mesmo tempo que elas nos mostram e nos concedem nossos direitos, elas repassam nossos valores morais, éticos e também as nossas obrigações. Temos que ser educados, respeitosos, cordiais, altruístas e felizes.

As nossas mães se contentam muitas vezes com um sorriso nosso, com um abraço mas (esse recado é para aqueles filhos ausentes) temos que lembrar que, para elas, ter um tempo dedicado e especial para elas vale muito mais que qualquer presente caríssimo que se possa comprar num shopping.

Vamos deixar uma mençãozinha aqui para aqueles que, muitas vezes por razões desconhecidas do destino, assumem o papel de mãe: vocês também são especiais e agradecemos por existirem pessoas como vocês.

Mães, corações de nossas vidas, razões de sermos o que somos, obrigado por todo o tempo, paciência e amor que tiveram conosco.