Às vezes alguns clientes, por alguma razão, decidem passar o consórcio ao qual estão participando para outras pessoas. Alguns dos motivos são imprevistos ou mesmo razões bem definidas: pode ser que esteja num momento em que não tem como manter em dia as parcelas, ou foi contemplado e optou em vender sua carta de crédito, ou simplesmente não quer mesmo mais fazer parte do grupo de consórcio. Independente do motivo, saiba que é possível transferir o seu contrato para outra pessoa que esteja interessada em entrar no grupo que já está em andamento.

Antes de tudo, você deve checar junto à sua administradora se a transferência deve ser mediada por ela, ou se é necessário alguma espécie de autorização. Sempre deve levar em consideração todo o cuidado em fornecer seus dados a um possível comprador, prezando pela sua segurança. Vale destacar: a transferência pode, ou não, ser mediada pela administradora de consórcios mas, no entanto, sua aprovação depende dela: a administradora irá analisar os dados do novo comprador, com base em um série de fatores, para que toda a transferência seja segura para todas as partes. Fique atento também aos valores que estabelecer para compra e venda, considerando taxas financeiras e correções monetárias durante todo o período em que esteve pagando pelas parcelas. Claro que haverá uma negociação, como de costume de todo comprador, mas analise sempre se financeiramente é viável a venda e transferência ou se ainda vale a pena continuar o consórcio.

Transferir o consórcio para outra pessoa é possível e não é nenhum bicho de sete cabeças: basta você ter noção de todo o trâmite, analisar as variáveis e dar início a venda e transferência da sua cota no grupo que participa.

Se você ainda não faz parte de nenhum grupo de consórcio e quiser saber mais, entre em contato com o Consórcio Unilance e venha realizar o seu sonho!